Existe cerveja boa na Rússia?

A Copa do Mundo está quase começando e a Rússia que sedia os jogos já começou a atrair a nossa atenção no esporte e também em seus costumes. Afinal a cerveja tão querida por nós brasileiros, vai estar disponível para o consumo dos torcedores?

Vamos ficar tranquilos, há sim cerveja boa na Rússia!!! No entanto, ficamos sabendo de pouca coisa já que o chamado Renascimento das Cervejas Artesanais acabou de começar por lá.

Esse renascimento é um movimento orgânico que começou nos Estados Unidos e em alguns países europeus nas décadas de 60 e 70. Ele revitaliza a história e a cultura da cerveja no mundo, “esquecida” no começo do século 20. É graças a este movimento que hoje estamos tão atentos e ligados com a cerveja.

Muitos sites especializados falam que o início do movimento cervejeiro na Rússia aconteceu quando a Baltika, de São Petersburgo, começou ser exportada pelo mundo. Mas apenas em 2014, quando a cerveja importada ficou muito mais cara é que a produção nacional começou a despontar e os bares especializados começaram a abrir.

Hoje são cerca de 100 cervejarias por lá. Nada mal para um país no qual cerveja não era considerada bebida alcoólica até 2011. Mas ainda pouco se considerarmos as mais de 6 mil dos Estados Unidos ou mesmo as cerca de 700 do Brasil. Nós, por aqui, começamos o movimento em 1995.

A única cerveja russa que já chegou por aqui foi justamente a Baltika, que teve a importação interrompida mas deve retornar ao mercado ainda este ano. Além disso, existem alguns estilos de cerveja que se relacionam com o Leste e Norte Europeu. As Russian Imperial Stout, por exemplo, têm origem inglesa, mas foram feitas de fato para exportação para a Rússia. Escuras, eram feitas de forma mais alcoólica para aguentar melhor a viagem de navio até o destino e também para agradar o paladar russo.

Outro estilo inglês é o Baltic Porter, cerveja escura e frutada que era exportada para os países do Mar Báltico. Ou, se você prefere algo mais leve, que tal provar uma autêntica Bohemim Pilsener, leve e dourada. Esse é o estilo Pilsen original, criado na República Checa em 1849.

Agora só falta escolher o seu sabor e acompanhar o Brasil nos jogos!

Conteúdo publicado originalmente em: Bomgourmet.